Carta ao Correio da Manhã – Esclarecimento Agosto 2011

Exmº Sr. Director do Jornal “Correio da Manhã”

Dirigimo-nos a V. Exa. no seguimento de uma noticia intitulada “Peru: Curandeiro com 180 caveiras em casa”, na V/ edição do dia 2 do corrente mês. Na referida peça, o V/ jornal considera o curandeiro como sendo “espírita”.

Tem sido uma pratica corrente, do V/ jornal, misturar magias, bruxarias, curandeiros aos espíritas.
Mesmo depois de inúmeros apelos, quer feitos pela ADEP-Associação de Divulgadores de Espiritismo de Portugal, quer feitos por nós Centro de Cultura Espírita de Caldas da Rainha, quer ainda por muitos outros companheiros espíritas, esclarecendo o que é na realidade a Doutrina Espírita, insiste o V/ jornal em confundir os seus leitores, lançando informação errada.
Bastaria um pequeno clique nos motores de busca da internet, e facilmente perceberiam que o Espiritismo não é nem mais uma seita nem mais uma religião, mas sim uma ciência filosófica de consequências morais, demonstrando a imortalidade do espírito, bem como explica o intercâmbio entre o mundo terreno e o mundo espiritual.

Os espíritas são pessoas normais, com os seus empregos, famílias, obrigações sociais, e que nos seus tempos livres dedicam-se ao estudo, e prática do espiritismo, gratuitamente, apenas com o objectivo da prática do bem e do auxílio desinteressado ao próximo. Nenhuma actividade é paga nem se aceitam donativos em troca das suas actividades.

Assim, o Centro de Cultura Espírita solicita, quer em abono da verdade quer pela retidão de informação, que o V/ jornal faça o devido esclarecimento.

Este Centro tem página em http://www.ccespirita.org
Contactos:
cce@caldasrainha.net
– 91 4269532
– 93 8466898
– 96 6460878

Sem mais, mostramo-nos ao V/ dispor para quaisquer esclarecimentos,

P`lo CCE
Amélia Reis
(Presidente)

Anúncios